Prefira sempre um café torrado recentemente, fresco e moa somente na hora do preparo.
Para uma melhor extração utilize água filtrada com uma temperatura entre 90–96º C.
Use de 7–10g de café para cada 100ml de água. Ajuste de acordo com seu gosto.
Preserve o café fechado em um pote hermético ou mantenha em nossa embalagem original.

Café coado no Hario V60

O Hario V60 é o coador básico da capiauzada. Ele oferece design que favorece uma extração mais harmônica e direta. Por conta do furo de saída da bebida ser maior e o filtro ser cônico, a água passa pelo pó com mais sincronia e permite que o café saia mais gostoso. Para isso, é muito importante que você tenha controle do fluxo de água - a chaleira da Hario é espetacular para te ajudar nessa parte. Com a receita abaixo, o seu cafezão do dia a dia será motivo para o vizinho te interfonar.

Ver receita

Cafeteira italiana, um clássico

Ou Moka, ou Italianinha. Depende. O nome muda, mas a certeza é de que o café é sempre gostoso. Este é o espresso caseiro, um método simples, fácil de preparar e que funciona muito bem. Café, água, fecha tudo e põe em cima da boca do fogão. Pronto! É uma maneira de preparar café que passa por gerações e tem fãs por todo o mundo. É pra quem gosta de café quente, forte, encorpado e intenso.

Ver receita

Receita perfeita para Aeropress

A Aeropress é uma das formas mais divertidas de extrair um café. Ela é um tubo que lembra uma injeção, pois apresenta os mesmos mecanismos. Temos um êmbolo de borracha, para uma extração por pressão, e os disquinhos de papel são os filtros dela. O legal aqui é que a aeropress te permite controlar o tempo de infusão – e quanto mais tempo de contato entre café e água quente, maior a extração do café. Já compreendeu que a ideia é experimentar o que te der vontade, né?

Ver receita

French Press descomplicada

É prático, deixa o café encorpado e denso. É café forte que você tá procurando? Talvez este seja o método que mais lhe agrade. Um filtro de metal sempre permite extração mais intensa, e a French Press junta o êmbolo de metal com o tempo de infusão. É o tipo de extração que mais dá textura ao café, por isso é o queridinho dos baristas. A French permite descobrir muito do que o café pode oferecer, e é bem fácil, inclusive, de limpar.

Ver receita